STV News
Facebook Youtube Instagram
Voltar Publicada em 09/10/2020

Fachin propõe pena de 7 anos para Raupp e pagamento de 1 milhão

Na julgamento que condenou Valdir Raupp por corrupção e lavagem na Lava Jato

O ministro afirmou que o pagamento da indenização será dividido com a ex-assessora de Raupp Maria Cléia Santos de Oliveira, também condenada no processo

Na julgamento que condenou Valdir Raupp por corrupção e lavagem na Lava Jato, Edson Fachin propôs pena de 7 anos e 6 meses de reclusão, a serem cumpridos no regime semiaberto, e pagamento de indenização de R$ 1 milhão.

O ministro afirmou que o pagamento da indenização será dividido com a ex-assessora de Raupp Maria Cléia Santos de Oliveira, também condenada no processo.

Fachin ainda propôs pena pecuniária de R$ 114,7 mil para Raupp, valor que ainda será corrigido pela inflação em relação a 2010.

O ex-senador foi condenado por receber em sua campanha R$ 500 mil da Queiroz Galvão em 2010. Segundo a PGR, era dinheiro de propina para manter Paulo Roberto Costa na Diretoria de Abastecimento da Petrobras e atuar pela continuidade do esquema de corrupção na estatal.

A pena proposta por Edson Fachin, relator do caso, foi seguida por Celso de Mello, o revisor. O julgamento, no entanto, foi suspenso e não há data para retomada na Segunda Turma. Faltam os votos de Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes para a definição final da punição.

Os dois últimos votaram pela absolvição e, com base nesses votos, a defesa afirmou que irá recorrer ao plenário do STF para tentar reverter a condenação.

Fonte: O Antagonista